quarta-feira, janeiro 16, 2008

Lula & Raúl

Por aqui, na tevê e nos jornais, só dá Lula & Raúl. Até se fala no encontro com Fidel e nas fotos em que o mais velho dos Castro aparece bem de saúde. Mas o ponto principal em todas as análises é que a visita do presidente brasileiro a Cuba foi o maior respaldo dado ao futuro governo de Raúl Castro. "Um tapa na cara da política externa norte-americana para a região", diz o analista Phil Peters, do Lexington Institute, um think thank de Washington. Como tanto democratas quanto republicanos precisam do voto dos exilados de Miami, não se vê no horizonte a possibilidade de mudança do meio-século de embargo econômico norte-americano a Cuba depois da saída de George Bush II da Casa Branca.

Um comentário:

Olga disse...

Que coisa, hein, coisinha?
Dá uma olhada na matéria da 'piauí' sobre a TV cubana. Oliver Stone perde pra tanta conspiração de esquerda...